quinta-feira, 27 de julho de 2017

Eu amo uma mulher

"Eu amo uma mulher
que não existe.
Mas a vejo sempre,
conversamos muito
e lhe quero bem.
Tem muitas faces,
não sei seu nome
e, se nome tem.
Só sei que quando
eu estou triste,
ela então existe
e de repente vem
confortar-me a alma,
trazer-me calma
e me fazer bem.
E a quem me indaga:
- Que forma vaga
de amar alguém?
Eu nada escondo
e então respondo
como convém:
- É meu coração,
na solidão,
sem ter ninguém."
Ronaldo Cunha Lima

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Pensamento da quarta-feira

Coração de político é refratário a todos os males: ele finge que escuta e está solidário aos eleitores, mas na verdade é só agar

josé MARCELINO RIBEIRO É JORNALISTA E ESCRITOR

terça-feira, 25 de julho de 2017

Oposição tentará obstruir votação da denúncia para desgastar Teme


Por Gerson Camarotti

Apesar de admitir  nos bastidores – que não tem os 342 votos necessários para dar prosseguimento à denúncia contra o presidente Michel Temer, a oposição trabalha com a estratégia de obstruir ao máximo a sessão. O objetivo é prolongar o desgaste de Temer, informa o repórter Nilson Klava, da GloboNews.


Está marcada para o próximo dia 2 de agosto a votação da denúncia, que só seguirá para o Supremo se pelo menos 342 deputados votarem contra o presidente.

A estratégia da oposição é a seguinte: os deputados estarão presentes ao plenário, mas não deverão registrar presença no painel, pois, assim, será possível saber se o governo terá a força necessária para colocar em plenário os 342 deputados necessários para iniciar a votação.


Os oposicionistas vão tentar adiar a votação em pelo menos uma semana, para deixar o governo "sangrar".

"Não podemos garantir sessão com quórum baixo. Precisamos obrigar o deputado a se expor com o voto", disse o deputado Alessandro Molon (Rede-RJ).

"Se a oposição não marca presença, deputados que optariam pela abstenção ou ausência serão obrigados a registrar quórum para ajudar o governo", acrescentou.

Por isso o Palácio do Planalto está tão cauteloso.

Auxiliares de Temer ensaiam o discurso de que o quórum para iniciar a votação é de responsabilidade da oposição.

O governo teme não conseguir na próxima semana ter os 342 deputados em plenário e, com isso, sair com o carimbo de derrotado na sessão.

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Pensamento da segunda-feira

O sonho é que leva a gente pra frente.
Se a gente for seguir a razão fica aquietado, acomodado

ARIANO SUASSUNA

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Jardel Santos e convidados se encontram no palco do Forró dos 5

AGENDA CULTURAL

Neste domingo (23), o cantor Jardel Santos, ex-vocalista da banda Rabo de Vaca, vai realizar o show de lançamento da carreira solo, no Forró dos 5 casa localizada na  no Almirante Hall ( Rua Padre Agostinho Martin,  981 - Santo Antônio, em frente à Câmara Municipal ). As bandas Xote Real e Meu Xodó são atrações convidadas e prometem um show voltado para os amantes do autêntico e bom forró.
Jardel Santos (foto divulgação)
No repertório, cada banda conta com um set diferenciado, mas todas embaladas no ritmo do xote “swingado”. Homens e mulheres têm entradas gratuitas até 00h. Após esse horário, o ingresso custará R$ 20, preço único. Informações e reservas: 99126-6706. 

Espaço Samba apresenta Ases do Pagode e convidados

AGENDA CULTURAL

Ampliando a sua grade de programação musical, o Espaço do Samba apresenta ao público a sua mais nova roda de samba, localizada na Rua Marquês de Vila Real da Praia Grande, 07, Parque das Laranjeiras. O evento acontece neste sábado (22), a partir das 21h, com a presença do Grupo Ases do Pagode, Randerson Couto, James Rios, Bruno Mocidade e ainda Henrique Abreu.

Ases do Pagode (foto divulgação)
O Espaço do Samba promete ser referência aos sábados transformando o o lugar num verdadeiro celeiro de bambas, com o melhor do samba de raiz e seus clássicos. A casa oferece aos visitantes um espaço agradável, ambiente familiar, deliciosos petiscos e aquela cerveja estupidamente gelada.

Os ingressos custam R$10, preço único.  Maiores informações: 99126-6706. 

Todos os domingos o samba ferve na Timboca

AGENDA CULTURAL

Prestes a completar dois anos de existência, a roda de samba da Timboca que acontece todos os domingos, a partir das 17h, localizada na Rua Alexandre Amorim, 201, bairro de Aparecida, formada exclusivamente por músicos nascidos e criados na área, rapidamente ganhou adesão popular e, tornou-se uma das melhores rodas de samba de Manaus.
A inspiração do projeto vem das comunidades que realizam samba de raiz. O aspecto familiar na roda de samba é tão grande que se reflete até mesmo entre os organizadores. Ricardo e Rita Matos são mãe e filho e dividem a tarefa de produzir o evento. “Preservar e divulgar o samba de raiz é o que propomos. Isso, o público que nos acompanha pode testemunhar na roda que comandamos, da qual já participaram sambistas como: Júnior Rodrigues, Wilsinho de Cima, Mestre Saúba, Auzier do Samba, Joubert Balbino e ainda Ciganerey e Gilsinho da Portela”, destaca Ricardo.
Roda de Samba na Timboca (foto divulgação)
Com poucas opções de lazer na área, o encontro começou em um pequeno espaço situado no beco que leva o nome da roda de samba, Beco da Timboca. A mudança para um local coberto tem a ver com a necessidade de infraestrutura, e com o maior número de apreciadores do bom e velho samba. Agora o novo endereço possui um espaço confortável para receber o público com segurança.
A roda de samba acontece de forma bastante espontânea. O público interage com os artistas nacionais e locais, como também pedem músicas para descontrair com os amigos. Durante o encontro, eles cantam grandes sucessos de Beth Carvalho, Diogo Nogueira, Leci Brandão, Fundo de Quintal, Dona Ivone Lara e outros.

O ingresso é de R$ 5 para os homens e mulher não paga. Maiores informações: 99128-8274.

Governo confirma alta de imposto sobre combustível e corte de R$ 5,9 bi no Orçamento

A área econômica do governo anunciou, por meio de nota, o aumento das alíquotas do PIS/Cofins sobre os combustíveis para tentar arrecadar R$ 10,4 bilhões a mais neste ano. Mesmo assim, ainda será necessário cortar R$ 5,9 bilhões em despesas para fazer frente ao rombo que existe hoje no Orçamento sem colocar em risco o cumprimento da meta fiscal deste ano, de déficit de R$ 139 bilhões.
A ampliação do corte ocorre em meio às reclamações de diversos órgão que estariam estrangulados pela falta de recursos. Alguns deles, como as polícias federal e Rodoviária Federal, chegaram a ameaçar paralisar seus serviços. O valor total do contingenciamento em vigor neste ano subirá para R$ 44,9 bilhões, superando inclusive o bloqueio inicial anunciado no fim de março, de R$ 42,1 bilhões.
A nota foi divulgada de maneira conjunta pelos ministérios da Fazenda e do Planejamento, depois de o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, confirmar na portaria da sede da pasta em Brasília que haverá aumento de tributos. As medidas anunciadas pretendem ajudar o governo em R$ 16,3 bilhões para o alcance da meta.
A alíquota do PIS/Cofins para a gasolina mais que dobrará, passando dos atuais R$ 0,3816 por litro para R$ 0,7925 por litro. A estimativa de arrecadação com o aumento é de R$ 5,191 bilhões até o fim do ano. Já a alíquota para o diesel subirá de R$ 0,2480 por litro para R$ 0,4615 por litro do combustível, com reforço de receitas de R$ 3,962 bilhões ao Tesouro até o fim do ano.
O aumento do PIS/Cofins para os produtores de etanol será menor, passando de R$ 0,1200 por litro para R$ 0,1309 por litro, com impacto de apenas R$ 114,90 milhões na arrecadação. Na distribuição do etanol, o PIS/Confis estava zerado, mas voltará a ser cobrado em R$ 0,1964 por litro, com uma receita esperada de R$ 1,152 bilhão ainda este ano.
“O aumento das alíquotas do PIS/Cofins sobre combustíveis é absolutamente necessário tendo em vista a preservação do ajuste fiscal e a manutenção da trajetória de recuperação da economia brasileira”, afirmaram as pastas. O presidente Michel Temer já assinou o decreto que eleva as alíquotas.
Desde ontem, fontes do governo admitiam que um aumento de impostos teria “impacto político”, justamente no momento em que Temer tenta angariar votos para derrotar a denúncia contra ele no Congresso Nacional. A ampliação do corte em meio às reclamações dos ministérios por falta de recursos deve ampliar ainda mais esse impacto.
A equipe econômica espera compensar esse bloqueio adicional com o recolhimento de receitas extraordinárias previstas para o segundo semestre. No entanto, economistas e o próprio Tribunal de Contas da União (TCU) já alertaram o governo para a incerteza que ronda essas receitas.
O relatório de avaliação de receitas e despesas primárias, com o detalhamento do contingenciamento, será divulgado amanhã (21), pelo Planejamento e pela Receita Federal. O ministro da Fazenda viaja ainda hoje para Mendoza, na Argentina, onde participará da cúpula do Mercosul.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

AGENDA CULTURAL

A roda de samba “Meia Noite Acaba” dessa semana está cheia de novidades. Neste sábado (22), a partir das 19h, a casa que está localizada na Av. Nilton Lins, nº 3855, no Parque das Laranjeiras, promove o “Arraial 2.0” e recebe pela primeira vez o show de lançamento da carreira solo de Jardel Santos (ex – Rabo de Vaca).
Jardel Santos, ex-rabo de Vaca
Acompanhado pelos Jamblacks e com o show “Na pegada do negão”, o cantor baiano promete agitar o público da roda de samba com os grandes sucessos de sua trajetória e apresentar a nova música de trabalho, “Brigas por causa do celular”.

A casa que funciona todos os sábados com Uendel Pinheiro e convidados, sempre de 19h às 0h, realizará sorteio para o show de Dorgival Dantas. Os ingressos custam R$20, preço único. Reservas e informações: 98408-0007. 

“Baile do Zé Pequeno” agita o sábado no Moai

AGENDA CULTURAL

O ator Leandro Firmino que ficou conhecido como um dos personagens mais famosos do cinema brasileiro, o Zé Pequeno, traficante do filme "Cidade de Deus", é presença confirmada do “Baile do Zé Pequeno” que acontece neste sábado (22), a partir das 21h, no Moai Restobar, localizado na Avenida do Turismo, 5625, Tarumã.
Leandro Firmino, o Zé Pequeno

O baile será comandado pelo ator com a participação do cantor Jhansen Almeida, do grupo Freelance e dos DJs Fernando Araújo, Layla Abreu e Marcela Stahlhofer. Tudo isso em um palco 360º, onde todos ficarão envolvidos. Serão mais de 7 horas de muita música de todos os ritmos.

Além disso, uma grande estrutura de som, iluminação e segurança está sendo montada especialmente para o evento. Os ingressos custam R$30 preço único. Maiores informações: 98117-2827. 

Temer sanciona projeto que libera R$ 102 milhões para emissão de passaportes

O presidente Michel Temer sancionou, nesta quarta-feira (19), projeto que libera recursos para emissão de passaportes. A autorização de crédito extra de R$ 102 milhões para o Ministério da Justiça foi aprovada semana passada pelo Congresso Nacional.
Segundo a Casa Civil da Presidência da República, a sanção será publicada amanhã (20) no Diário Oficial da União. Depois da publicação, a verba será liberada assim que Ministério do Planejamento abrir o empenho de recursos e autorizar o repasse ao Ministério da Justiça, que o destinará à Polícia Federal (PF).
De acordo com a Polícia Federal, são realizados 11 mil atendimentos por dia útil para a requisição do documento em todo o país. Como a paralisação já dura três semanas, a demanda não atendida pode superar 150 mil pedidos.
Com orçamento insuficiente para as atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem, a Polícia Federal suspendeu a emissão de novos passaportes na noite do dia 27 de juno. Segundo a PF, o setor atingiu o limite de gastos previstos na Lei Orçamentária da União.

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Pagode do Coronel apresenta “Noite dos Intérpretes” nesta sexta

AGENDA CULTURAL

Na noite desta sexta-feira (21), a partir das 20h30, o Pagode do Coronel, localizado na Avenida Japurá, 676, Centro, apresenta a “Noite dos Intérpretes” com a presença de Gilsinho da Conceição, intérprete principal da Portela, prometendo mais uma noite de muita emoção.
O público também terá a apresentação do grupo Papo Sambol e Ângelo Márcio e banda. Em seguida, os músicos sob comando de Paulo Kabessa, assumem o ritmo com os intérpretes Mestre Saúba, Nego Leo, Wilsinho de Cima, Auzier do Samba, Prince, Galo da Sem Compromisso, Agnaldo do Samba, Marcinho da Villa da Barra e Cabeça da Grande Família, abrilhantando ainda mais a noite de samba.
Gilsinho da Portela é um dos convidados da noite

Segundo Onércio Torres, organizador do evento, este encontro entre os interpretes das Escolas de Samba de Manaus e Gilsinho da Portela, é uma prova de reconhecimento e respeito por aqueles que emprestam a sua voz e sua arte para embalar as emoções dos amantes das diferentes bandeiras. “O samba está unificado por uma bandeira única, a bandeira do samba. Devemos evidenciar isso sempre”, ressaltou.

Os ingressos custam R$ 20, preço único. Maiores informações: 99165-3111.  

Moro determina que dinheiro do caso triplex seja destinado à Petrobras

O apartamento triplex do Condomínio Solaris, no Guarujá, litoral paulista, peça central do julgamento em primeira instância que condenou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e meio de prisão, será repassado à Petrobras. A decisão é do juiz federal Sérgio Moro, no despacho publicado em resposta a embargos de declaração da defesa do ex-presidente no processo.
“Tanto o produto do confisco criminal como o valor mínimo para a reparação dos danos são devidos à Petrobras”, escreveu o juiz.
Na publicação da sentença, na semana passada, Moro já havia decretado o confisco do apartamento por considerá-lo “produto de crime de corrupção e de lavagem de dinheiro”. A fim de assegurar o confisco, o juiz decretou o sequestro do imóvel independentemente dos recursos que devem tramitar em segunda instância.
O despacho de Sérgio Moro também aponta a Petrobras como destinatária dos valores de reparação de danos a que os réus foram condenados a pagar. A decisão inclui os R$ 16 milhões da suposta conta-corrente compartilhada entre a OAS Empreendimentos e o PT.
“Embora a ver do Juízo isso estava implícito na sentença, não há óbice em deixá-lo explícito”, escreveu Moro em resposta ao embargo de declaração da Petrobras.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Temer tenta dissuadir deputados do PSB de migrar para DEM

O presidente Michel Temer montou uma operação nos bastidores para evitar a migração de cerca de 10 deputados do PSB para o DEM, partido de Rodrigo Maia, presidente da Câmara.

Nesta segunda-feira (17), Temer pediu ao deputado Danilo Forte (PSB-CE), com quem se reuniu, para agendar um encontro pessoalmente com a líder do PSB na Câmara, Teresa Cristina. 

O encontro na casa da líder ocorreu na manhã desta terça (18). O objetivo de Temer, em meio à instabilidade de seu governo, é evitar que Maia se fortaleça com o aumento da bancada do DEM.

Se o grupo de deputados descontentes do PSB sair da legenda, o DEM pode se tornar a quinta maior bancada da Câmara - atrás apenas de PMDB, PT, PP e PSDB. Hoje, a bancada tem 29 parlamentares e pode chegar a 40. 

Um ministro de Temer afirma que o presidente  gostaria que a migração dos deputados fosse para o PMDB, seu partido, e para isso pretende inclusive conversar com o ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho, da ala insatisfeita do PSB, que deve participar do encontro desta terça na casa de Teresa Cristina.

Formalmente, no entanto, Temer nega esse movimento. A alegação é que está conversando com os parlamentares em busca de votos contra a denúncia na Câmara.

segunda-feira, 17 de julho de 2017

Após sete anos, esquema de fraude contra juízes federais poderá ficar sem punição

 Durante quase dez anos, a Associação dos Juízes Federais da 1ª Região (Ajufer) levantou dinheiro na fundação do Exército usando nomes de associados que desconheciam a trama. Entre 2000 e 2009, a segunda maior entidade de juízes federais do país assinou 810 contratos com a fundação. Cerca de 700 foram fraudados, vários deles em nome de fantasmas.
Com recursos obtidos em sucessivos contratos fictícios, a associação rolou mensalmente empréstimos não quitados. Parte do dinheiro era desviada ou depositada em contas de laranjas. O caso foi revelado pelo jornal Folha de S. Paulo, em 2010. Levantamento feito nas últimas semanas sugere que o ‘mensalão da toga’ deve ficar impune.
Em abril de 2011, temendo essa hipótese, 40 juízes prejudicados entregaram abaixo assinado à corregedoria do TRF-1. Pediam uma “investigação célere”, afirmando que seus nomes foram utilizados “de forma irresponsável, temerária e fraudulenta”.
O primeiro convênio entre a Ajufer e Fundação Habitacional do Exército (FHE) previa a concessão de empréstimos no limite de R$ 20 mil. No segundo convênio, esse teto foi suprimido. No período investigado, seis ex-presidentes da Ajufer receberam o total de R$ 6 milhões, em 45 empréstimos. Cinco deles conseguiram novos contratos, mesmo acumulando dívidas.
A FHE descobriu a pirâmide financeira numa auditoria realizada em 2009. Em outubro de 2010, a fundação moveu uma ação de cobrança contra a Ajufer. Pede que a entidade seja condenada a pagar R$ 32,6 milhões (valores atualizados), correspondentes ao saldo devedor de empréstimos. Uma ação penal sigilosa se arrasta no TRF-1, em Brasília. Foram denunciados Moacir Ferreira Ramos, Solange Salgado da Silva Ramos de Vasconcelos, Hamilton de Sá Dantas e Charles Renaud Frazão de Moraes, expresidentes da Ajufer; o ex-diretor da FHE José de Melo, além de Cezário Braga e Nilson Freitas Carvalho, apontados como agiotas e doleiros.
Eles foram acusados, pelo Ministério Público Federal, da prática dos crimes de gestão fraudulenta, falsidade material e ideológica, apropriação indébita e lavagem de dinheiro. A denúncia foi oferecida, em dezembro de 2014. Só foi recebida em maio de 2016. O relator, desembargador Jirair Meguerian, ainda não citou os réus para apresentarem defesa prévia. Foi decretada a extinção da punibilidade, por prescrição, de Hamilton Dantas.
No esquema, a Ajufer intermediava o repasse de dinheiro entre a FHE e o associado, tanto para a tomada de empréstimo quanto para amortização das parcelas. Para liberar o dinheiro, bastava a Ajufer informar o nome do associado. Não havia garantia, controle ou fiscalização.
A fraude foi exposta pelo ministro Herman Benjamin, em voto no Conselho da Justiça Federal. Hoje, o processo depende de análise de recursos de dois denunciados. Até agora o relator da ação penal, desembargador Jirair Meguerian, não citou os denunciados para apresentarem defesa prévia.

sexta-feira, 14 de julho de 2017

O melhor do pé de serra acontece no Forró dos 5

AGENDA CULTURAL 

O gênero musical nordestino ainda atrai um grande público na Região Norte, o pé de serra, é destaque neste domingo (16), a partir das 22h, no Forró dos 5, no Almirante Hall ( Rua Padre Agostinho Martin,  981 - Santo Antônio, em frente à Câmara Municipal ). Quem vai agitar a noite são as bandas Tomi Xote, Xote com Pimenta, 100% abusado e o DJ Dentinho, nos intervalos com o melhor da pick up eletrônica. 
Forrozaum Tomi Xote (Foto divulgação)

O repertório dançante, com músicas de Wesley Safadão, Dorgival Dantas, Mastruz com Leite também terão espaço no set-list. Além de se divertir com as apresentações, o público vai desfrutar de uma espaçosa pista de dança, com iluminação diferenciada.

O ingresso para o Forró dos 5 tem preço único de R$ 20 por pessoa, e podem ser adquiridos na bilheteria do Almirante Hall. Informações: 99126-6706. 

Bar da Itaipava apresenta a “Sexta Premium” com o melhor do sertanejo

AGENDA CULTURAL

O recém-inaugurado Bar da Itaipava, 1° Bar Oficial da Cerveja 10%, localizado na Avenida Max Teixeira, 262, Flores, apresenta nesta sexta (14), a partir das 19h, o melhor do sertanejo na “Sexta Premium” com Henrick Duarte, Kevin Castro, Igor Oliveira e a dupla Alan & Renato.
Henrick Duarte (Foto divulgação)

Com o show, intitulado ‘Baile do HD, Henrick Duarte, promete agitar o público presente. O músico traz um repertório baseado no sertanejo atual em uma pegada um pouco mais elétrica, bem como nas influências do próprio artista, que vão desde o arrocha, forró ao sertanejo universitário.
O acesso ao local é gratuito. A casa não cobra ingresso e nem couvert. Maiores informações: 3238-3231 e 3238-3200. 

Pensamento da sexta-feira

O dinheiro faz homens ricos, o conhecimento faz homens sábios e a humildade faz grandes homens.

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Samba de raiz: Meia Noite Acaba promove “aula” de samba neste sábado

AGENDA CULTURAL

Nomes consagrados no samba e pagode prometem uma "verdadeira aula de samba", neste sábado (15), a partir das 19h, na roda de samba “Meia Noite Acaba”, localizada na Avenida Nilton Lins, 3866, Parque das Laranjeiras, próximo ao Posto Shell. Os músicos Joubert Balbino, Cláudio Nunes, Ulisses Farias e Júnior Rodrigues, que fizeram parte do grupo Ases do Pagode, serão os convidados especiais da noite.
Uendel Pinheiro se considerado um “aluno” e presta uma homenagem aos "mestres" acompanhado pelos Jamblacks. “Comecei a ir aos pagodes com a minha mãe e ficava encantado ao ver "os cobras”, como os músicos do Ases do Pagode. Aprendi muito com eles e essa foi a forma carinhosa que eu encontrei de homenagea-los!”, disse Uendel.

Joubert Balbino (Foto Divulgação)

Júnior Rodrigues (Foto divulgação)

Para Joubert Balbino, um dos convidados da noite, é uma honra participar da homenagem. “Eu não me sinto um professor e sim, um colaborador. Daqui a pouco é o Uendel quem vai ensinar tudo aquilo que aprendeu com a gente. A ideia é relembrar os tempos do samba de quando o Uendel ainda era um menino e fazer uma viagem de uma forma bem autêntica”, ressaltou. 
O repertório dos músicos irá mesclar canções atuais e antigos sucessos, além de prestar homenagens a Jorge Aragão, Arlindo Cruz, João Nogueira, Revelação, Fundo de Quintal e muitos outros. No show, as músicas que marcaram época nos tempos de Nostalgia, Marreiros e outras casas de show.

Os ingressos custam R$ 10 preço único. Informações e reservas podem ser obtidas através do número 98408-0007. 

Modão universitário é destaque desta sexta no Moai Restobar

AGENDA CULTURAL

Os fãs de modão sertanejo se encontram nesta sexta (14), a partir das 21h, no Moai Restobar. A casa recebe Beto Gomez, Jefinho e Alan & Renato. O repertório dos shows está repleto de músicas famosas e atuais. Contudo, o destaque fica para as modas de viola e músicas de raiz.
Jefinho (Foto divulgação)

As outras atrações da noite são os convidados Rodrigo Cortez, Igor Oliveira, Júlia Carvalho e Jôci Carvalho, que irão dar um toque especial ao evento. Mas quem vai comandar a festa são os já consagrados Waltinho Hall e a DJ Layla Abreu.

Pessoas com nomes na lista disponível nas redes sociais do Moai pagam a R$15 até às 0h. Após este horário, os valores se alteram para R$ R$ 30 preço único. Mais informações e reservas podem ser adquiridas pelo fone: 98117-2827. 

O desmanche de um mito

Ricardo Noblat

Nunca antes na história deste país um presidente da República havia sido denunciado por corrupção. Michel Temer foi o primeiro, acusado pelo Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, de corrupção passiva. Destinava-se a Temer a mala de dinheiro do Grupo JBS arrastada por rua de São Paulo pelo ex-deputado Rocha Loures (PMDB-PR).
Nunca antes na história deste país um ex-presidente da República havia sido condenado por corrupção. Lula foi ao ser sentenciado pelo juiz Sérgio Moro a nove anos e meio de prisão no processo do tríplex do Guarujá. Se a segunda instância da Justiça confirmar a sentença, ele será preso. Mesmo que não seja, ficará impedido de disputar eleições.
A primeira e única vez até aqui que Lula provou os dissabores da cadeia foi na condição de perseguido pela ditadura militar implantada no país em 1964, e que duraria 21 anos. Muito bem tratado, à época, pelo delegado Romeu Tuma, que depois se tornaria seu amigo e ingressaria na política, Lula fez greve de fome chupando balas. Foi logo solto e virou herói.
Mesmo que por ora solto e candidato a roubar do ex-ministro José Dirceu a condição de “guerreiro do povo brasileiro” conferida pelos militantes do PT, dificilmente Lula será encarado daqui para frente como herói pela larga maioria daqueles que no passado recente o enxergaram como tal. Sua biografia ganhou para sempre a mancha indelével da corrupção.
Pouco importa que ainda ostente o título de campeão das pesquisas de opinião pública com algo como 30% das intenções de voto para presidente se as eleições fossem hoje. . Tais pesquisas também o apontam como campeão de rejeição. Mais de 60% dos entrevistados dizem que jamais votariam nele. De resto, só haverá eleições em outubro do próximo ano.
A condenação de Lula por Moro produzirá efeitos no campo da esquerda. De saída reforçará as chances de Ciro Gomes (PDT-CE) de conseguir o apoio do PT para concorrer à presidência. Não se descarte a hipótese de Dilma desejar a mesma coisa. Afinal, em desrespeito à Constituição, seus direitos políticos foram preservados, embora ela tenha sido deposta.
Se escapar da Lava Jato sem maiores sequelas, pela direita o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) é o nome que terá mais a lucrar lucrar com a condenação de Lula. O prefeito João Dória não será páreo para ele na coligação de partidos a ser encabeçada pelo PSDB.  A Dória restará a candidatura ao governo de São Paulo que atrai também o senador José Serra.
Quanto a Temer... Mesmo que a Câmara negue autorização para que seja julgado pelo Supremo Tribunal Federal, enfrentará uma segunda e talvez a uma terceira denúncia por corrupção e obstrução da Justiça, fora as delações do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e do doleiro Lúcio Funaro. Caso sobreviva, governará como um morto-vivo
Lula (Foto: Fotomontagem sobre foto de Ueslei Marcelino / Reuters)
Lula (Foto: Fotomontagem sobre foto
de Ueslei Marcelino / Reuters / O Globo)


 

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Janot vê 'forte materialidade' para segunda denúncia contra Temer

Em conversa de mais de uma hora com integrantes da bancada do PSOL, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, sinalizou que a segunda denúncia em elaboração contra o presidente Michel Temer, por obstrução de Justiça, já tem "forte materialidade". 


Segundo relatos dos parlamentares ao Blog, Janot disse ainda que as propostas de delação do deputado cassado Eduardo Cunha e do doleiro Lúcio Funaro, devem reforçar o relato do empresário Joesley Batista. 

Na gravação feita no Palácio do Jaburu e divulgada em maio, Joesley informa Temer sobre a mesada milionária repassada pelo dono da JBS ao ex-presidente da Câmara. 

Os parlamentares do PSOL foram ao gabinete de Janot para manifestar solidariedade ao trabalho realizado pelo procurador-geral. 

Ao ouvir o apoio dos deputados, Janot brincou: “Poxa! Ainda bem... Espero que não seja só de vocês!”.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Voto de Zveiter desmonta defesa de Temer

Ricardo Noblat

Um por um, todos os argumentos da defesa de Michel Temer foram desmontados no voto de Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), relator na Comissão de Constituição e Justiça da denúncia contra o presidente da República por crime de corrupção passiva apresentada por Rodrigo Janot, Procurador Geral da República, ao Supremo Tribunal Federal (STF).
“Em dúvida, pró-sociedade”, repetiu Zveiter quase uma dezena de vezes ao se opor, no caso, à máxima de que em “em dúvida, pró-réu”. Bateu duro ao recomendar aos seus colegas de comissão que defiram o pedido do STF de julgar Temer: “Em nada isso significará o enfraquecimento de nossas instituições”. O contrário, segundo ele, é que enfraqueceria.
Caberá aos 66 membros da comissão, a partir da próxima quarta-feira, analisar e aprovar ou não o voto de Zveiter. O provável é que só delibere em definitivo no final da semana. O que decidir será levado ao exame do plenário formado por 513 deputados – ou na próxima semana ou em agosto, depois do recesso do Congresso.
O governo está empenhado em trocar o maior número possível de deputados da comissão favoráveis à aprovação do voto de Zveiter. Até hoje já foram trocados 12 por outros dispostos a votar contra. Somente o PR, presidido por Valdemar Costa Neto, condenado no processo do mensalão, trocou quatro.
Um dos efeitos do voto de Zveiter deverá ser sentido logo mais à noite quando o comando nacional do PSDB se reunir em São Paulo no apartamento do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. No último sábado, Temer telefonou para FHC pedindo para ser recebido por ele. Quer evitar a debandada do PSDB. FHC respondeu que não tinha tempo.
Sergio Zveiter (Foto: André Borges / Estadão)Sergio Zveiter (Foto: André Borges / Estadão)

segunda-feira, 10 de julho de 2017

SERRARIA, reminiscências do passado

  Por José MARCELINO RIBEIRO

Sem querer desmerecer a quem quer que seja, nos 60, Serraria viveu um período venturoso.

Quando criança, me lembro: caminhões desciam em comboio, rumo ao porto de Cabedelo, carregados de agave e fumo que eram exportados para a Europa, com isso, quase 150 empregos diretos e indiretos eram gerados em Serraria, na época dos prefeitos, Severino Cavalcante e Antônio Carvalho, que davam sustentação econômica à Princesa do Brejo, a fim de que ela se desenvolvesse.

O comércio local vivia o seu apogeu.
Era próspero e gerava empregos.

Até hoje me recordo de grandes comerciantes e fazendeiros, que contribuiram para alavancar o desenvolvimento daquela cidade.

Foram eles, Ernane Galdino de Lucena, Dr. Ovídio Duarte, José Anchieta de Carvalho (zito), José Alves Teodósio, João Lopes, Chicó Berto, Eduardo Rocha, Ozélio, ( seu zezinho Afonso), Francisco Bernardino da Cruz, (chico neco), Misael Mendes, Antônio de dito, "seu Dila", Beja, "seu" Plácido, dentre outros que ora me fogem à lembrança.

Foi um período de ouro que Serraria vivenciou.
Nesse tempo, eu era criança pobre, não miserável.

Vivi um infância abastada,
onde frutas e fartura do mel de engenho de Adalberto Meneses, Luiz de Carvalho, Chico Frazão, "seu" Nélio Vanderley, eram bons pra se degustar, sem que se desembolsasse um centavo: tudo a custo zero


Ah! se o tempo retrocedesse; dessa época não esquecesse e a esse tempo eu voltasse!

José MARCELINO RIBEIRO é jornalista

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Costelada, Amigos e uma boa música no Rota 147

Neste domingo (9), a partir das 12h, no Rota 147 WashBeer, localizado na Avenida Nilton Lins, 3680, Parque das Laranjeiras acontece a “I Costelada do cantor Sidney Chenkel” com muito sertanejo e chopp batuta. As atrações são o show de sertanejo universitário sempre voltado para a boa música raiz, com Sidney Chenkel, convidados e apresentações de DJs.  
Sidney Chenkel (Divulgação)

A casa atende aos padrões e normas de segurança, oferece um ambiente arejado, com estacionamento próprio e uma equipe de profissionais treinados para atender ao público. Os ingressos são limitados e custam R$30 por pessoa. Informações e reservas: 99293-7026.  

100% Abusado grava o seu novo CD neste domingo

A banda 100% Abusado grava neste domingo (9) seu novo CD ao vivo. O local escolhido foi o Forró dos 5, localizado na, na casa localizada na Rua Padre Agostinho Martin, 981 - Santo Antônio, (em frente à Câmara Municipal). O evento inicia às 22h. 
100% Abusado (Divulgação)
Pelo palco também vão passar as bandas Forró na Pegada e Feras do Forró, tocando o autêntico pé de serra e prometem apresentar o melhor do ritmo nordestino. Serão mais de 6h de muito forró. Os ingressos custam R$ 20 e mulheres não pagam entrada até ás 0h. Outras informações podem ser obtidas pelo 99126-6706. 

Moai 40 graus é a pedida para este domingo

O Moai Restobar (Avenida do Turismo, 5625, Tarumã), deu início às férias e preparou um final de semana recheado com o melhor do samba e pagode. Neste domingo (9), a partir das 16h, a casa apresenta Samba Kiss, D’Samba e Joia Rara.
A programação contará, ainda, com as participações especiais de Bruno Mocidade, Yurizinho e do DJ Fernando Araújo tocando os hits do momento. A apresentação do evento fica por conta do apresentador Waltinho Hall.  
Joia Rara (Divulgação)
O local dispõe de lista vip para quem quiser pagar mais barato até às 19h. Basta acessar as redes sociais do Moai Restobar. Após esse horário, os ingressos custam R$30 preço único. Maiores informações: 98117-2827. 

Uendel Pinheiro festeja aniversário na “Meia Noite Acaba” com mistura de ritmos

AGENDA CULTURAL

Prestes a completar 31 anos o cantor Uendel Pinheiro prepara uma grande comemoração para marcar a data em grande estilo, neste sábado (8), a partir das 19h, na roda de samba “Meia Noite Acaba”, ao som de muito samba, pagode, sertanejo, forró e boi bumbá. A festa contará com as presenças do grupo D´Samba, Kadu Almeida, Gang do Forró e Arlindo Jr.
Uendel Pinheiro (Divulgação)

O conceito da festa será para celebrar mais um ano de vida e comemorar a conquista de permanecer no mercado de entretenimento de Manaus. “É uma data para ser muito comemorada, por isso quero reunir todos que fazem parte disso, amigos, bandas e artistas que sempre estão presentes e animam a nossa roda de samba, garantindo uma noite de diversão bem animada”, ressaltou Uendel.

Durante os shows, haverá sorteio de brindes. A roda de samba está localizada na Avenida Nilton Lins, 3866, Parque das Laranjeiras, próximo ao Posto Shell. Os ingressos custam R$20. Homem e mulher. Maiores informações: 98408-0007. 

Puxa-encolhe

Na noite de ontem, quinta-feira, o decano do Supremo Federal Federal-STF, ministro  Celso de Melo cassou a liminar do ministro Ricardo Lewandoswski que suspendeu eleições diretas para governador do Amazonas.

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Muito pé de serra no palco do Vilarejo

AGENDA CULTURAL

Se a opção nesta sexta (7), for um bom pé de serra autêntico e aquela cerveja gelada, a dica é “Férias Lá no meu Pé de Serra”, no Vilarejo Bar e Petiscos. No set list muito forró a partir das 22h.
As bandas Forró Peneirado, Xote Puladin, Gang do Forró e Xoteziim, prometem fazer o público remexer as cadeiras e não deixar ninguém parado durante as apresentações.
Forró Peneirado (Divulgação)


Os ingressos custam R$25, preço único e a rolha é liberada até às 23h. O Vilarejo Bar e Petiscos está localizado na Avenida Torquato Tapajós (próximo ao Tarumã). Outras informações sobre o evento podem ser obtidas através do 98189-6874.